História do SINPOL-AP

Histórico do Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Amapá – SINPOL/AP

  O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do  Amapá-SINPOL , foi criado no dia 23 de dezembro de 1990, oriundo da vontade de um grupo de policiais civis do Ex-Território Federal do Amapá, que reuniram-se em Assembléia Geral, realizada no Colégio Gabriel de Almeida Café com a proposta  de formação de entidade sindical, com a finalidade de representar e defender os direitos e interesses profissionais, coletivos e individuais  dos integrantes da categoria policial junto a União Federal,  reivindicando melhorias salariais e valorização profissional  para a classe.

Com a transformação do Ex-Território Federal do Amapá em Estado, ocorrida no dia 05 de outubro de 1988, de acordo com a Constituição da República Federativa do Brasil e a conseqüente posse do primeiro Governador eleito do Estado do Amapá,  no ano de 1991, Comandante Annibal Barcellos,  houve a necessidade da formação do Quadro de Servidores do Estado, dentre eles, da Polícia Civil. Devidamente concursados, foram contratados Delegados de Polícia  e Agentes de Polícia. Fato esse ocorrido no ano de 1992 e escrivães no ano de 1994.

A partir desta data, os  servidores estaduais da Polícia Civil também passaram a fazer parte do presente Sindicato.

Sua trajetória de luta em prol da categoria é marcada por inúmeras realizações, cada uma no seu tempo e dentro das esferas distintas, federal e estadual, sempre tendo como foco principal, a luta pelos direitos e garantias dos sindicalizados.

Desse modo, é de fundamental importância reescrevermos um pouco das principais conquistas durante esses 22 anos de existência do SINPOL/AP, através de seus presidentes.

O Sindicato dos Policiais Civis do Estado do Amapá, até a gestão atual, soma um total de  0ito (08) presidente,  assim nominados:

1º Presidente – ALFREDO MENDES NETO,  Escrivão de Polícia do Quadro da União, período de 1990 a 1993.

2º Presidente –  ANTONIO MELONES GONÇALVES, Agente de Polícia Civil do Quadro da União – Período de 1994 a 1996.

3º Presidente – ROBERTO PARENTIS DOS SANTOS, Agente de Policia do Quadro do Estado. Período – 1996 a maio de 1998.

4º Presidente – IRAN CARLOS PINHEIRO FRANÇA – período: 1998 a 1999.  FRANÇA, esteve a frente do SINPOL apenas um ano,  após ter sido afastado e obrigado a renunciar, assumindo durante três meses uma comissão composta pelos Agentes: VALDENOR ALMEIDA,  MARIA DO CARMO C.COSTA CANTUÁRIA  e  JOSÉ MARIANO BRUNO DOS SANTOS. Para assumir o restante do mandato foi escolhido em Assembléia, o Escrivão ANTONIO PANTOJA QUARESMA;

5º Presidente – ANTONIO PANTOJA QUARESMA , Escrivão de Polícia do Quadro Federal. Período: 2000 a 2002.

O SEGUNDO MANDATO – período de 2003 a maio de 2005. Foi aprovada a Lei Orgânica da Policia Civil do Estado do Amapá. Em 2003 foi reivindicado a CARTA SINDICAL para o SINPOL/AP, no Ministério do Trabalho.

6º Presidente – JAIR COELHO, Guarda de Presídio do Quadro Federal – Período: maio de 2005 a maio de 2008.

7º Presidente – PEDRO GLAUBER PACHECO PEREIRA, Agente de Polícia Civil do Quadro do Estado. Período: maio de 2008 a maio de 2011.

A atual administração, empossada no dia 23 de maio de 2011,  para o mandato de 03 (três) anos, tem como Presidente o Oficial de Polícia Civil ELIAS FERREIRA RODRIGUES, servidor do Quadro Estadual, com 18 anos de experiência na profissão, o qual apesar do pouco tempo a frente do SINPOL/AP, tem envidado esforços para desempenhar o seu papel com responsabilidade, transparência, reivindicando interesses funcionais, tais como,  melhores condições de trabalho , assistência  jurídico-funcionais, valorização profissional, promovendo e apoiando a participação de servidores em eventos e buscando a união da classe rumo aos objetivos a serem alcançados.

Dentre as realizações atuais podemos destacar : o I Encontro de Conscientização Sindical para Policiais Civis; Desbloqueio e entrega de cheques dos valores retidos, correspondentes ao PSS, a servidores aposentados até dezembro de 2003; Aprovação do Projeto de Lei Autorizativo  nº 0210/2011- AL;  Apoio logístico à Comissão de articulação junto a Bancada Federal que trata da transposição dos policiais da turma de 1992 aos quadros da União e dos servidores administrativos que exerceram atividades policiais nas diversas unidades da Polícia Civil, o que implicará na economia de mais de vinte milhões de reais aos cofres do Governo do Estado e entrará para que sejam aplicados na Polícia Civil; Articulação e mobilização para aprovação da PEC nº 001, que abrangerá os servidores do estado e  encontra-se na Assembléia Legislativa do Estado do Amapá, para ser votada, dentre outras.

Na área da infraestrutura, pouco se avançou deste a sua criação. E somente nesta gestão foi construída e inaugurada no dia 09 de novembro de 2012 a Sede Administrativa própria.

No social, tem firmado convênios e parcerias com entidades privadas na área de saúde, como, plano de saúde, dentistas, clínicas e laboratórios. Na área de educação, com Escolas e Faculdades. Em  2012, realizou o 2º grande baile de Confraternização Natalina. Tem como objetivo  contribuir para uma melhor qualidade de vida de seus sindicalizados e familiares; além de apoiar projetos de interesses de servidores e demais órgãos.

Assim, vem cumprido com a sua missão e responsabilidade social.

 

 

         Texto: Nelma da R.  Araújo

Agente de Polícia Civil