Seminário no SINPOL trouxe criminalista e presidentes de federações para discutir sobre modernização, empoderamento e lutas dos profissionais da Policia Civil

Na última terça-feira, 19, ocorreu na sede do Sindicato de Policiais Civis do Amapá (Sinpol-AP) o seminário “A modernização da polícia e o engajamento necessário para o combate ao crime, proteção à sociedade e valorização dos policiais”, com a participação de profissionais da área policial e acadêmicos de vários cursos superiores interessados na profissão.

PROFESSOR ROBERTO DARÓS

O seminário contou com a palestra do renomado professor universitário e advogado criminalista do Espírito Santo, mestre Roberto Darós, que dissertou sobre uma restruturação e modernização de Segurança Pública, abordando uma visão sobre a polícia do século XXI em busca da eficiência na prevenção, investigação e controle da criminalidade.

Para a presidente da Federação Interestadual dos Policiais Civis das Regiões Centro-Oeste/Norte, Marcilene Lucena, o seminário foi uma oportunidade de conversar com colegas policiais sobre temas importantes e envolver todos os estados, como o Amapá, no debate sobre a atuação da polícia investigativa. Na semana passada, ela esteve no Mato Grosso também palestrando. Marcilene abordou em sua palestra no Amapá, sobre as lutas nacionais e atuação dos policiais civis.

Presidente da Federação Interestadual dos Policiais Civis das Regiões Centro-Oeste/Norte, Marcilene Lucena

A presidente do Sinpol-AP, Narcisa Ardasse, destacou o trabalho que vem acompanhando da colega Marcilene em todo o país. “Sua atuação tem sido diferenciada na luta por direitos e valorização dos policiais civis. Agradecemos por ela aceitar nosso convite, pois de certo nos ajudará a conscientizar nossos policiais da importância do movimento sindical nacional para nossa sobrevivência”.

Presidente da Federação Interestadual dos Policiais Civis da Região Norte, Itamir Lima

O terceiro palestrante foi o presidente da Federação Interestadual dos Policiais Civis da Região Norte, Itamir Lima, que falou sobre o empoderamento político e a amplitude social das Polícias Civis.
O seminário teve a presença da policial Kátia Melo, que representou o presidente Pimentel do do Sindicato de Policiais Civis do estado do Pará (Sindpol-PA) e do vereador paraense Pablo Farah, colega policial civil.

A presidente do Sinpol-AP, Narcisa Ardasse, ressaltou o sucesso do seminário, agradeceu pelo apoio de todo o Sindicato e a presença dos palestrantes e todo o conhecimento que trouxeram para a classe profissional do nosso estado. “Foi muito enriquecedor essas discussões sobre os assuntos que pontuam nossa profissão, agradecemos muito nossos palestrantes que se dispuseram a vir até aqui. Tiveram uma extensa agenda de entrevista e quero agradecer a nossa imprensa local, que nos deu espaço para falarmos das temáticas da categoria. Estamos fechando o ano com muito trabalho e sempre trazendo informação para nossos sindicalizados”, ressaltou.

Ao final do seminário houve sorteio de canecas do Sinpol-AP aos que assistiram a palestra, além de livros doados pelo professor criminalista Roberto Darós.

AVANTE!

Pérola Pedrosa

ASSCOM – SINPOL-AP